Relações Israel-Ásia serão o tema em 16/09 no ciclo ‘Israel e o Mundo’, em SP

No ano em que Israel completa 65 anos, a Confederação Israelita do Brasil e o Centro da Cultura Judaica, em São Paulo, promovem, em todas as segundas-feiras de setembro e outubro, um ciclo com nove palestras intitulado “Israel e o Mundo”, que visa traçar um panorama abrangente das relações internacionais do Estado judeu.

 

Na próxima segunda-feira, 16 de setembro, Jaime Spitzcovsky falará sobre as relações Israel-Ásia. Sinopse: com o fim da Guerra Fria, Israel passou a construir vínculos sólidos com Índia e China, alicerçados em interesses estratégicos e econômicos. Estas relações vêm com desafios para um país habituado a investir seu capital diplomático em arenas norte-americanas e europeias. Spitzcovsky é jornalista e foi correspondente da Folha de S. Paulo em Moscou e Pequim. Atualmente, é responsável pelas relações institucionais da Conib.    

 

Na abertura, em 2 de setembro, Bernardo Sorj falou sobre “Israel e o Mundo: 65 Anos de Diplomacia e Conflito”. Em 9 de setembro, Peter Demant falou sobre as relações Israel-Europa. Ao longo do ciclo, os palestrantes Gustavo Chacra, Heni Ozi Cukier, Guilherme Casarões, Michel Gherman, Omar Ribeiro Thomaz, Samuel Feldberg e Tullo Vigevani irão analisar e discutir os temas que contribuíram para definir o lugar de Israel num mundo em constante transformação.  

 

A curadoria do evento é do cientista social Daniel Douek.  

 

O preço para as palestras restantes é de R$ 360,00, e para palestras avulsas, R$ 65,00. Idade mínima: 18 anos.  

 

As datas são 16, 23 e 30 de setembro e 7, 14, 21 e 28 de outubro, segundas-feiras. Horário: das 20h às 22h. Informações, no Centro da Cultura Judaica: secretaria@culturajudaica.org.br ou secretaria1@culturajudaica.org.br. Telefone: (11) 3065-4349/4337.

Cartaz do Israel China cultural Festival, realizado em San Fransisco (EUA), em 2012.