Nos 10 anos do 11/09, israelense discute no Brasil terrorismo e novas mídias

Nos 10 anos do 11/09, israelense discute no Brasil terrorismo e novas mídias

Gabriel Weimann, professor titular no Departamento de Comunicação na Universidade de Haifa, Israel, estará em São Paulo, Rio e Brasília, entre os dias 8 e 17 de setembro, para encontros com juristas, acadêmicos, políticos, jornalistas e para ministrar palestras em universidades e na comunidade judaica.

No dia 11 de setembro, às 19 horas, ele participará em São Paulo de debate aberto e gratuito na Hebraica, com o tema “Israel, Brasil, Al Qaeda”. Participarão Raul Jungmann, ex-ministro da Reforma Agrária e ex-deputado federal, que presidiu a Frente Parlamentar de Defesa Nacional; e o professor Heni Ozi Cukier, especialista em relações internacionais da ESPM – Escola Superior de Propaganda e Marketing. A mediação será do jornalista Alon Feuerwerker, colunista do Correio Braziliense.

No dia 12, também na capital paulista, ele ministrará um workshop com o tema “Terrorismo e Novas Mídias” para a Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji), em atividade conjunta com o programa de Jornalismo da ESPM.

Weimann é especialista em terrorismo na internet. Em suas palestras, aborda temas como comunicação dos grupos/células terroristas, recrutamento de jovens, cyber terror, terrorismo moderno e mídias de massa, entre outros.

Entre suas publicações estão “The Theater of Terror” [O Teatro do Terror – New York: Longman, 1994] e “Terror On the Internet” [Terror na Internet – Washington, DC: USIP Press, 2007]. Ele recebeu diversos prêmios e bolsas de várias fundações internacionais e já foi professor convidado em diversas universidades nos EUA, Alemanha, Canadá e Singapura.

Weimann vem ao Brasil a convite da Associação Brasileira dos Alunos da Universidade de Haifa e com o apoio da Confederação Israelita do Brasil.