No Paraná, presidente da Conib pede ao governador reforço na segurança

No Paraná, presidente da Conib pede ao governador reforço na segurança

 

 
O presidente da Conib, Fernando Lottenberg, visitou no semana passada o Paraná, para contatos com o governador Beto Richa e o prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet, reunião com a comunidade judaica local e visita ao Museu do Holocausto.
 
Richa e Fruet agradeceram a visita e ressaltaram a importância da comunidade judaica para o Estado e a cidade, respectivamente. Lottenberg pediu ao governador reforço na segurança, sobretudo durante a realização dos Jogos Olímpicos.
 
Em reunião com as instituições comunitárias, na qual participaram a juventude, organizações femininas, escolas e dirigentes comunitários, Lottenberg apresentou as atividades recentes da Conib. Ele falou à comunidade na cerimônia de Shabat, realizada na sinagoga Beit Yaacov.
 
O encontro no Museu foi mediado pelo coordenador, Carlos Reiss, reunindo o presidente da Federação Israelita do Paraná, Ari Zugman; o vice-presidente, Isaac Baril; e o presidente do Instituto Cultural Judaico Brasileiro Bernardo Schulman, professor Antonio Carlos da Costa Coelho.
 
Reiss apresentou a metodologia da instituição, que privilegia histórias reais de pessoas que sofreram a barbárie nazista e a história dos sobreviventes radicados no Paraná
 
A visita fortaleceu os laços entre a Conib, a Federação Israelita do Paraná e o Museu, para a promoção de ações socioeducativas. Uma delas está prevista para o mês de julho: os professores vencedores da edição deste ano do projeto nacional de intervenção socioeducativa da Rede de Escolas Anne Frank Brasil receberão, como prêmio, uma visita ao Museu.
 
O “Projeto Anne Frank”, lançado pela Conib em 2012, incentiva a divulgação da vida e do legado universal de Anne Frank para estabelecer relações com ações comunitárias locais, tendo as escolas como centro de produção e disseminação de uma cultura de paz, combatendo antissemitismo e racismo.