Líderes judaicos de SP e Rio cumprem extensa agenda em Israel e Espanha

Líderes judaicos de SP e Rio cumprem extensa agenda em Israel e Espanha

 Na terceira edição do programa “Hassefá BaAretz” [Reunião em Israel], promovido anualmente pela Federação Israelita do Estado de São Paulo (Fisesp), a entidade levou no início deste mês lideranças comunitárias paulistas e cariocas a Israel e à Espanha, com o objetivo de capacitá-las a partir do conhecimento das experiências da comunidade judaica nestes países.

Em Israel, o grupo foi recebido pelo presidente Shimon Peres, que lhes apresentou o projeto de um museu sobre Albert Einstein, a ser construído em Jerusalém. A delegação encontrou importantes personalidades, como o ex-chefe das Forças Armadas de Israel, General Gaby Ashkenazi, e o diretor-geral do Ministério das Relações Exteriores de Israel, Rafael Barak.

Também se reuniram com a embaixadora do Brasil em Israel, Maria Elisa Berenguer, com o negociador-chefe da Autoridade Palestina, Saeb Erekat, e com a embaixadora do Brasil junto à Autoridade Palestina, Ligia Scherer.

Na capital espanhola, onde estiveram por dois dias, os participantes conheceram o trabalho da Sefarad Israel, órgão governamental de apoio à restituição da cultura judaica.

Em encontro com o embaixador de Israel na Espanha, Alon Bar, foram abordadas as relações bilaterais entre os dois países. O grupo também se reuniu com o editor-chefe do jornal “El País”, Javier Moreno.

“A importância desta missão é demonstrada pelo engajamento destes 25 membros de entidades de São Paulo e do Rio de Janeiro, que utilizaram recursos financeiros próprios para se capacitarem em prol da comunidade judaica brasileira”, disse o presidente da Fisesp, Boris Ber.

Em Israel, o programa teve apoio logístico do Keren Hayesod, organização que desenvolve projetos nas áreas de imigração, desenvolvimento social e educacional, entre outros, e é representada no Brasil pelo Fundo Comunitário.