Jornalista Ariel Palacios fala sobre a situação da comunidade judaica argentina

O jornalista Ariel Palacios, correspondente do jornal O Estado de S. Paulo e da Globo News na Argentina, falou para líderes comunitários nesta segunda-feira, 18 de março, em São Paulo, sobre a situação da comunidade judaica argentina. O encontro foi promovido pela Conib, pelo Congresso Judaico Latino-Americano (CJL) e pelo Fundo Comunitário. 



O jornalista falou sobre o antissemitismo e a ação de grupos neonazistas na Argentina.



Ele abordou também o acordo do país com o Irã para investigação do atentado à entidade judaica AMIA, em 1994, que foi muito criticado não só pela comunidade judaica, mas também por vastos setores da sociedade, porque praticamente ignora todos os avanços que a Justiça argentina havia feito no caso.



Palacios comentou ainda as relações do papa Francisco com a comunidade judaica, que considera excelentes.



A partir da esquerda: Fernando Lottenberg, secretário-geral da Conib; Ariel Palacios; Eduardo Wurzmann; Claudio Bobrow, diretor do Fundo Comunitário; Jack Terpins, presidente do Congresso Judaico Latino-Americano. Foto: Fundo Comunitário.