Israel muda paradigma na relação com Diáspora e foca diálogo com pessoas

Israel muda paradigma na relação com Diáspora e foca diálogo com pessoas

 Em encontro com 45 jovens judeus em Montevidéu, Ami Mehl, diretor de Relações com as Comunidades da Diáspora do Ministério das Relações Exteriores de Israel, afirmou que o Estado judeu “está disposto a mudar o paradigma das relações com a Diáspora, passando de um diálogo entre Estados para um diálogo entre as pessoas".



O encontro, promovido pelo Grupo de Novas Gerações do Congresso Judaico Latino-Americano (CJL) em parceria com a chancelaria israelense, reuniu de 2 a 4 de novembro na capital uruguaia jovens de nove países e discutiu temas da agenda internacional judaica. Do Brasil, participaram Leslie Sasson Cohen e Fabio Milman, com o apoio da Conib, além de Fabio Szperling, Luciana Brajterman, Raphael Cyjon e Simone Finzi. 



“Esses encontros são fundamentais para a troca de informações e de conhecimento entre as comunidades judaicas latino-americanas”, disse Leslie. “Pudemos conhecer a realidade das comunidades de Uruguai, Argentina, Equador, Chile, Costa Rica, Colômbia e Paraguai e conversar com lideranças comunitárias, empresariais, políticas e religiosas, além de representantes de Israel”.

Ela explicou a importância do evento: “Quanto melhor nos conhecermos e entendermos as questões que nos afetam como judeus, melhor será a nossa articulação para respondê-las, de modo individual ou coletivo. Trocar informações e experiências é sempre produtivo”. 

Também estiveram no encontro Floriano Pesaro, vereador paulistano; Luis Lacalle, senador, ex-presidente e líder da oposição uruguaia; Daniel Olesker, ministro de Desenvolvimento Social uruguaio; Alberto Couriel, senador do Uruguai. “Foi muito bom o debate deles sobre a contribuição judaica para a política nacional”, relatou Fabio Milman.


"Os jovens não são apenas o futuro das comunidades, eles fazem parte do presente, e como tal, devem participar da liderança da comunidade", afirmou Saúl Gilvich, secretário-geral do CJL.