Iª Jornada pelo Ensino do Holocausto em Defesa da Democracia e Cidadania

Iª Jornada pelo Ensino do Holocausto em Defesa da Democracia e Cidadania

 A B’nai B’rith do Brasil e o Laboratório de Estudos da Etnicidade, Racismo e Discriminação, da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP, realizaram no último dia 12 de maio, em Brasília, a sua “I Jornada pelo Ensino do Holocausto em Defesa da Democracia e Cidadania”.

A atividade, tradicional em diversos Estados brasileiros, foi promovida com o suporte operacional do Espaço ECCO e reuniu cerca de 150 educadores. A realização do evento contou com o apoio e co-patrocínio da Confederação Israelita do Brasil (Conib).

A Jornada foi prestigiada pelos embaixadores de Israel, Giora Becher; República Tcheca, Ivan Iancarek; Armênia, Achot Yeghiazarian; além do reitor da Universidade de Brasília, José Geraldo Sousa Jr; da profa. dra. Maria Luiza Tucci Carneiro, coordenadora do Laboratório de Estudos  da USP e das Jornadas; de Abraham Goldstein, presidente da B’nai B’rith do Brasil e da curadora do ECCO,  Karla Osório.

Os educadores presentes ouviram o tocante depoimento de Lulu Landwehr, sobrevivente do campo de extermínio de Auschwitz. As Jornadas são realizadas em São Paulo, Rio de Janeiro, Niterói, Curitiba e Porto Alegre. Em 2010, reuniram mais de 2 mil educadores.