Exposição do Museu Terras da Bíblia revela cidade do reinado de David

Exposição do Museu Terras da Bíblia revela cidade do reinado de David

 Por Miriam Sanger, de Israel

 
O Museu Terras da Bíblia de Jerusalém, o único no mundo a dedicar-se exclusivamente à história dos povos que habitaram os territórios citados na Bíblia, inaugurou no dia 5 de setembro uma exposição intitulada “No Vale de David e Golias”.
 
Nela estão exibidos artefatos descobertos em escavações no Vale de Elá, em um local hoje conhecido como Khirbet Qeiyafa. A cidade escavada está localizada entre Socho e Azeká, área identificada como o local da batalha bíblica entre David e Golias.
 
Testes de Carbono 14 indicaram que os artefatos remetem à época entre o fim do século 11 AEC e o começo do 10 AEC, exatamente o período do reinado do rei David.
 
Outro ponto relevante da escavação foi a descoberta de dois portões, algo que era pouco usual em uma cidade relativamente pequena. Esse foi um aspecto que levou os pesquisadores a identificá-la como a cidade de “Shaaraim”, ou “Dois Portões”, citada como o local da batalha. Além disso, seus muros reforçados confirmam que ela fora construída por uma autoridade.
 
“Essa é a nossa ‘Pompeia’, pois permaneceu por três milênios parada no tempo. Ela foi habitada por apenas 30 ou 40 anos e segue modelo-padrão de construção dos tempos de David Hamelech”, comentou o professor Emérito Yosef Garfinkel, presidente de Arqueologia do Instituto de Arqueologia da Universidade Hebraica de Jerusalém, que conduziu os trabalhos de pesquisa e arqueologia da área.
 
Um dos artefatos mais importantes exibidos na exposição é uma placa grafada com a forma mais antiga de inscrição, datada de aproximadamente 1100 AEC. Outra peça de incrível valor histórico ali exposta é um modelo de um templo que segue a mesma linha arquitetônica do Templo de Salomão, de acordo com a descrição encontrada na Bíblia.
 
As escavações foram realizadas entre 2007 e 2013, sendo assunto de seis livros (mais um será lançado em breve). A área deve tornar-se até 2021 um novo Parque Nacional em Israel.
 
Existem aproximadamente 3.000 sites arqueológicos identificados em Israel, sendo que apenas 300 estão sendo ou já foram escavados.
 
Na exposição, está exposta também a histórica estela de Tel Dan datada do século 9 AEC, a primeira prova da existência real do rei David – nela está citada a “Casa do Rei David”.