Conib participa de Fórum do AJC e encontra embaixador Figueiredo

A Conib participou nesta semana em Washington do Fórum Global 2015 do American Jewish Committee, que teve a presença de líderes mundiais, como o primeiro-ministro da Ucrânia e o ex-ministro israelense Yair Lapid, diplomatas de vários países e autoridades. O AJC homenageou heróis marcados pela defesa dos judeus nos últimos meses: Lassana Bathily, imigrante do Mali que salvou 15 pessoas no Hypercacher, em Paris; e as famílias de Dan Uzan, segurança voluntário da sinagoga de Copenhague, morto em atentado em fevereiro; e o policial druso Zidan Nahad Seif, morto em atentado a uma sinagoga de Jerusalém, em novembro de 2014. O antissemitismo na Europa, o acordo nuclear com o Irã, a presença do movimento de boicote BDS nos campi dos EUA e Reino Unido foram discutidos no encontro. Um dos pontos altos foi o debate entre os jornalistas Ari Shavit, do Haaretz, e Caroline Glick, do Jerusalem Post, sobre a solução de dois Estados. Shavit quer que Israel faça mais para encaminhar a solução de dois Estados para o cobflito com os palestinos. Ele adverte que as políticas de assentamento atuais enredarão inextricavelmente o país na Cisjordânia e forçarão a solução de um Estado, o que significa acabar com o Estado judeu ou com a democracia em Israel. Glick, uma ex-negociadora de paz por Israel na década de 1990, argumenta em contrapartida que, contrariamente às estatísticas oficiais do governo e às projeções dos demógrafos, não há número suficiente de palestinos da Cisjordânia para derrubar a maioria judaica de Israel. Para ela, a solução de dois Estados é uma “receita para o desastre”. Veja os principais momentos do debate. Veja o debate na íntegra. Na capital americana, o embaixador do Brasil nos EUA, Luiz Alberto Figueiredo, recebeu a delegação brasileira para um jantar. Entre os temas tratados, as relações Brasil-Estados Unidos, o crescimento no antissemitismo na América Latina e a tensão com o Irã nuclear. A Conib também encontrou Roberta Jacobsen, secretária de Estado adjunta para Assuntos do Hemisfério Ocidental, e tratou com ela de temas bilaterais e da próxima visita da presidente Dilma aos EUA. Participam da delegação brasileira Fernando Lottenberg, presidente da Conib; Eduardo Wurzmann, secretário-geral; Milton Seligman e Ruth Goldberg, diretores. Pela Fisesp, Mario Fleck, presidente; e Ricardo Berkiensztat, presidente executivo; Ariel Krok, diretor; André Lajst, especialista em contraterrorismo no Centro Interdisciplinar de Herzliya, em Israel, e os jovens André Grunebaum e Fernando Ber.