Cineasta percorre o mundo e coleta a música de 200 artistas judeus

Cineasta percorre o mundo e coleta a música de 200 artistas judeus

Do Shofar até a musica eletrônica, o documentário “The Wandering Muse” [A Musa Errante], do húngaro-canadense Tamás Wormser, explora por meio da música o caleidoscópio de identidades judaicas de Israel e da diáspora. Assista ao trailer. O filme foi exibido recentemente no Kleztival, em São Paulo.

Wormser criou o site WanderingMuse.net, uma plataforma para explorar de forma abrangente o mundo da música judaica. O projeto reúne material de oito anos de pesquisa para o documentário. Centenas de vídeos com histórias, músicas e entrevistas, a maioria dos quais não coube no documentário,  estão disponíveis no site.

São mais de 200 perfis de músicos para navegar através de um sistema aberto, usando uma variedade de palavras-chave (como nome, instrumento, estilo e país) e outras formas interativas. Cada perfil funciona como uma rede social, onde os usuários podem seguir o artista, ver fotos, vídeos, histórias.

A plataforma também é uma comunidade online para fãs e músicos judeus, que podem criar seus próprios perfis para divulgar trabalhos, cadastrar músicos novos e acrescentar conteúdo. Os artistas podem compartilhar suas músicas.

O site promove um concurso entre as músicas postadas pelos usuários; as mais votadas, que serão anunciadas em março de 2016, ganharão prêmios e um certificado. Faça o login no site para participar.