Berel Aizenstein (z’l), ex-presidente da Conib, é homenageado em São Paulo

 

A Associação Brasileira "A Hebraica" de São Paulo, o Hospital Israelita Albert Einstein, Confederação Israelita Brasileira – Conib, as Lojas Maçonicas Co-Irmãs, G:.O:.B:. ,G:.L:.E:.S:.P:., G:.O:.S:.P:.; convidaram a comunidade para a cerimônia de Haskará (homenagem) em memória de Berel Aizenstein (z’l) realizada ontem, dia 29 de maio, no Teatro Anne Frank, na Hebraica, São Paulo. Berel Aizenstein, líder comunitário e presidente da Confederação Israelita do Brasil em 2004 e 2005, faleceu em 25/4.

Na ocasião, líderes comunitários destacaram a importância de seu trabalho.

“Perdemos um símbolo de nossa comunidade. Berel Aizenstein sempre emanou uma incansável força interior, uma capacidade admirável de liderança e de realização. Sentiremos muito a sua falta e vamos trabalhar, com ainda mais vigor, para seguir seu exemplo e honrar o seu legado”, disse Claudio Lottenberg, presidente da Conib.

O presidente do Congresso Judaico-Latino-Americano, Jack Terpins, trabalhou com Berel na Conib. “Pude acompanhar de perto o desvelo com que tratava a questão judaica, nosso vínculo com Israel, e como mostrava tudo isso por meio de ações concretas. Também é digna de nota sua preocupação com a integração das comunidades judaicas em todo o Brasil."

"Ele desmistificou conceitos arraigados sobre Israel, por meio de missões que levaram ao Estado judeu formadores de opinião – jornalistas, políticos e acadêmicos- missões nas quais esteve sempre à frente.Berel era o amigo que todos gostariam de ter. Ele nos deixa saudades, mas um legado pelo qual somos responsáveis”, concluiu Terpins.

Jayme Blay, que presidiu a Federação Israelita do Estado de São Paulo na época em que Aizenstein dirigiu a Conib, comentou uma viagem que fizeram juntos a Israel, em 2004, levando importante delegação de jornalistas brasileiros: “A maneira cativante e inteligente como Berel tratou todos os profissionais foi fundamental para o sucesso da viagem. Lembro-me bem da saudação feita pelos jornalistas, ao final da jornada, realçando a liderança do Berel, que lhes garantiu acesso privilegiado e isento a todo tipo de informação. Berel será sempre uma grande fonte de inspiração para todos os dirigentes da comunidade".